Breaking News

Kanye West revela ter contraído a COVID-19 e diz que vacinas são "a marca da besta"


Kanye West não quis fugir da polêmica na entrevista que deu para a Forbes e acaba de ser publicada. O rapper disse que está disposto a concorrer à presidência dos EUA e que a Casa Branca será governada em um modelo semelhante ao visto em Wakanda, o país africano fictício do filme "Pantera Negra". Ele ainda disse que contraiu o novo coronavírus e se mostrou cético em relação às vacinas, para ele uma espécie de "marca da besta" que é colocada em nosso organismo.

West disse que poderia concorrer pelo Partido Republicano se Trump não estivesse já na disputa. Ele então irá criar seu próprio partido o "Birthday Party" (fazendo um trocadilho com a palavra "party", que significa, simultaneamente, partido e festa. "Birthday" é aniversário). Ele diz que está recebendo aconselhamento do magnata Elon Musk e que seu candidato a vice já foi escolhido, sem revelar o seu nome. O artistas, e bilionário, também disse estar entrando na disputa para vencer, "como eu sempre fiz em minha vida."

Veja algumas de suas declarações:

Sobre as vacinas:


"Muitos de nossos filhos estão sendo vacinados e paralisados. Então, quando eles dizem que a maneira de se curar a Covid é com uma vacina, fico extremamente cauteloso. Essa é a marca da besta. Eles querem colocar chips dentro de nós, fazer todo tipo de coisa, para que não possamos atravessar os portões do céu. Sinto muito quando digo que eles, os humanos têm o diabo dentro deles. E o mais triste é que, o mais triste é que nem todos nós chegarão ao céu, que alguns de nós não conseguirão. Próxima questão."

Sobre ter contraído a COVID-19


"Tive calafrios, tremedeira na cama, a necessidade de tomar banhos quentes, assisti vídeos me dizendo o que fazer para ficar bem. Lembro que me disseram que o Drake teve o coronavírus e minha resposta foi que ele não poderia estar mais doente do que eu! (risos)"

Sobre como as eleições serão decididas:


"Vamos ver se a nomeação será feita em 2020 ou em 2024 - porque Deus é quem nomeia o presidente. Se eu ganhar em 2020, então foi este o desígnio de Deus. Se ganhar em 2024, também foi por desígnio Dele."

Nenhum comentário