Unidos da Tijuca trará Beyoncé para o carnaval 2017




O sonho de ter Beyoncé no carnaval 2017 está cada vez mais perto. Como havíamos postado, a Unidos da Tijuca vai homenagear a cantora com 100 Beyoncés em uma de suas alas.

De acordo com o site Ego, Annik Salmon, a carnavalesca da Escola de Samba confirmou que está sendo planejado um esquema de segurança para receber a cantora na Sapucaí. Além disso, ela afirmou que há mais chances de Beyoncé vir do que não vir.

“É uma coisa que tem que ser muito bem pensada. Já trabalhamos com a resposta positiva dela e sabemos que se ela vier dependeremos de uma segurança maior. Pensamos num esquema de segurança ao redor de onde ela estará na escola, no início e no fim do desfile” – disse a carnavalesca

Annik Salmon comentou sobre a posição da diva na Avenida:

“Já pensamos até em divulgar oficialmente se ela vier somente no dia do desfile. Tudo pela segurança e pela possibilidade dela poder participar. E, claro, não revelaremos se ela vem no chão ou em algum carro alegórico” – completou Annik Salmon.

A carnavalesca comentou que o convite foi feito e que está sendo estudado por sua equipe: “Desde que começamos a desenvolver este enredo que fala da música americana, a primeira coisa que nos veio à cabeça foi a Beyoncé. Ela é a grande estrela e tudo que a gente mais quer é que ela venha. É difícil, mas estamos com apoio do consulado americano e o convite já foi feito e está realente sendo estudado pela equipe dela. Estamos correndo muito atrás disso.”

A carnavalesca ainda deu mais esperanças à beyhive: “Existe mais chance de ela vir do que de não vir. É mais que 50% a chance de ela vir para a Sapucaí”

Além disso, ela comentou sobre o o convite feito para Ferly Prado, a dançarina brasileira da Formation Tour.

“Ela pediu para desfilar conosco e está convidada, claro. Achamos muito interessante quando ficamos sabendo que ela gravou um vídeo falando do desfile da Unidos da Tijuca. É um sinal de que todos estão sabendo da equipe da Beyoncé e isso é ótimo”

Durante a audição para a escolha dos dançarinos, Fábio Costa, um dos coreógrafos da escola, avisou sobre a possível vinda aos candidatos. “Por favor, ela vai desfilar atrás da ala dedicada a ela. Não vão desmaiar quando ela aparecer porque nosso carnaval precisa acontecer”

About Ridval R. Ferreira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.