Breaking News
recent

Kesha retira acusações de abuso sexual contra Dr. Luke


Kesha retirou as acusações de abuso sexual contra Dr. Luke, o advogado dela confirmou ao BuzzFeed. Ela também enviou 28 músicas para a sua gravadora, tentando dar um recomeço em sua carreira. Ela planeja lançar um single e um álbum o mais rápido possível.

Kesha na segunda feira removeu sua acusação de violencia sexual contra o produtor Dr. Luke na California para focar-se em recomeçar sua carreira musical. A cantora de “Tik Tok” está presa numa disputa legal com Dr. Luke em Nova Iorque, tentando se livrar de um contrato de exclusividade de múltiplos álbuns, alegando que não pode mais trabalhar com um homem que ela diz ter drogado-a e abusado sexualmente dela.

Por quase quatro anos, ela manteve ligação com Dr. Luke e sua gravadora Kemosabe por meio da Sony Music e não lançou músicas enquanto o drama nos tribunais continuou. Mas no mês passado, a equipe legal de Kesha afirmou que ela enviou 28 novas músicas, gravadas por sua própria conta para cumprir com suas obrigações contratuais.

“Kesha está focada em voltar ao trabalho e entregou 28 novas músicas para sua gravadora,” Daniel Petrocelli, parceiro na O’Melveny & Myers, disse em um comunicado ao BuzzFeed News. “Acreditamos que a Sony Music e a gravadora atenderão ao desejo forte de Kesha de lançar o single e um álbum assim que possível”.

Dr. Luke e a Sony Music não responderam de imediato os pedidos do BuzzFeed News para comentários.

Qualquer que seja a situação, Larry Iser, um parceiro e fundador da Kinsella Weitzman Iser Kump, disse ao BuzzFeed News que a nova abordagem de Kesha é provavelmente a mais inteligente visto que sua carreira já paralisada será ainda mais de reviver caso esse processo dure por mais tempo.

“Aconselho à todos os artistas que a coisa mais importante para as carreiras deles é entrar no estúdio para gravar e subir nos palcos para performar”, disse Iser. “Quanto mais tempo Kesha esperar, mais provavelmente fica o destino de que ela não terá mais uma carreira quando o processo se acabar”.

Pelo contrato de exclusividade que ela assinou em 2005 quando tinha 18 anos, Kesha deveria entregar cinco álbuns para Dr. Luke antes do acordo deles ser terminado. Enquanto ela não entregar mais três, ela pode ser presa neste contrato pelo resto de sua vida. O último álbum de Kesha, Warrior, foi lançado em 2012.
Ridval R. Ferreira

Ridval R. Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conteúdo de sites parceiros




Destaque do canal

Tecnologia do Blogger.