Resenha Crítica (18ª Edição): Ariana Grande- "Break Free"

"Break Free" de Ariana Grande agrada, mas não é tudo isso



Desde que Ariana Grande surgiu com "Problem" a cantora teen nos deu a impressão que seria a salvação do pop em 2014, mas mudamos de ideia assim que o clipe surgiu.  Ariana está apostando em músicas mais dançantes e diferentes do que estamos acostumados para termos a ilusão de que ela não é mais aquela cantora "infantil" de seus trabalhos anteriores, mas como citei não passa de "ilusão".

Com "Break Free" a cantora tem a intensão de tocar a música em qualquer casa noturna do Reino Unido ou dos Estados Unidos, e é uma aposta certa. Esta música produzida por Zedd com certeza será o hit do verão americano.

O começo da música é tão nostálgico quanto o de "Applause" de Lady Gaga (nem vamos citar que também lembramos de "Aura"), o refrão é a cara das músicas da Rihanna, mas todos pensamos que a música seria mais poderosa no geral. Resumindo a avaliação da música ela agrada, mas é o básico para tocar nas baladas por algum tempo (nada de grandioso na carreira de Ariana).

Avaliação:
69.9
Básica 
Resenha Crítica (18ª Edição): Ariana Grande- "Break Free" Resenha Crítica (18ª Edição): Ariana Grande- "Break Free" Reviewed by Ridval R. Ferreira on 12:27:00 Rating: 5

Postagem em destaque

Top 5: Melhores filmes de 2018

O ano de 2018 foi muito importante para a indústria cinematográfica, e teve vários lançamentos que surpreenderam o público. E o CPCOM d...

Tecnologia do Blogger.